20/05/2016 - Abaetetuba recebe seminário sobre Resíduos Sólidos

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O Programa Interdisciplinar Trópico em Movimento (UFPA) realiza, no dia 23 de maio, o seminário “Incubação de Empreendimentos de Catadores de Resíduos Sólidos” em Abaetetuba. O evento acontecerá no Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia  (IFPA).

O credenciamento dos participantes começará às 8 horas, em seguida será realizado o painel “Política de Resíduos Sólidos no município de Abaetetuba”, que terá como expositores pesquisadores da Universidade Federal do Pará (UFPA), do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia (IFPA) e representantes da Secretaria Municipal de Meio Ambiente da cidade.

O pesquisador Luciano Louzada do Couto, do Programa Interdisciplinar Trópico em Movimento (UFPA), ficou responsável por apresentar o projeto “Incubação para fortalecimento de cooperativas e associações de catadores e catadoras de materiais recicláveis e reutilizáveis – em municípios do Pará”, o processo de incubação e o termo de adesão aos catadores e catadoras da cidade. Além de Abaetetuba a ação pretende incubar associações de cooperativas de catadores nos municípios de Belém, Ananindeua, Marituba, Benevides, Santarém, Bragança e Paragominas.

Contexto Nacional - As ações desenvolvidas no projeto integram a Política Nacional de Resíduos Sólidos, Segurança Alimentar e Nutricional e Política de Assistência Social que buscam promover a melhora na condição de vida e trabalho de catadores e catadoras de materiais recicláveis e seus familiares, particularmente aqueles que se encontram em situação de pobreza extrema e que não estão adequadamente organizados em empreendimentos solidários, cujo trabalho ainda é realizado em lixões ou nas ruas, de forma precária, individual e desarticulada.

Abaetetuba - Há divergência quanto às primeiras incursões no território. Segundo alguns relatos históricos, a primeira penetração no território de Abaetetuba foi feita por Francisco de Azevedo Monteiro, em 1745. Porém, segundo Palma Muniz, a fundação de Abaeté ocorreu em 1750 e as primeiras incursões foram feitas pelos antigos frades capuchos que fundaram o Convento da Una, seguindo-os, mais tarde, os Jesuítas, exploradores do rio Uraenga ou Ararenga. Atualmente a cidade tem mais de 150 mil habitantes. 

 

 

 

 

Trópico em Movimento © 2016 - 2019.

Campus UFPA - Rua Augusto Corrêa, 01 - Casa do Poema,

Bairro Guamá, 66075-110, Belém, Brasil

(091) 3201-7700

  • Wix Facebook page
  • Wix Twitter page
  • Wix Google+ page